logo

30/12/2019 13:26

Empresário de Dedé admite consulta do Vasco e não crava permanência do zagueiro no Cruzeiro

Giuliano Aranda afirmou que transferência é uma 'possibilidade extra-oficial'

Empresário de Dedé admite consulta do Vasco e não crava permanência do zagueiro no Cruzeiro

Empresário de Dedé admitiu chances de zagueiro deixar o Cruzeiro em 2020 (Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro)

Empresário do zagueiro Dedé, Giuliano Aranda admitiu, neste domingo, que recebeu uma consulta informal do Vasco, interessado em contratar o camisa 26 do Cruzeiro. Ao Superesportes, o agente pontuou, no entanto, que só existem conversas informais até aqui.



“Temos uma ótima relação com o Vasco, com o Mazzuco (André Mazzuco, diretor de futebol). A gente sabe que o Abel (Braga, treinador) gosta muito do Dedé, mas ainda não existe uma tratativa. É uma possibilidade extraoficial. Vamos aguardar”, disse o representante.

Perguntado sobre a existência de uma consulta específica pelo zagueiro, Magrão confirmou. “Sim, tivemos uma consulta, mas são conversas informais. Temos liberdade de conversar informalmente”, ressaltou. Nesse sábado, o Globoesporte.com antecipou a informação do interesse cruzmaltino no retorno de Dedé ao Rio de Janeiro.

A reportagem também questionou Magrão, como é conhecido o ex-jogador e atual empresário, se Dedé, hoje com 31 anos, teria interesse em permanecer no Cruzeiro e participar da reconstrução do time, que vive severa crise financeira e buscará renegociar os contratos de seus principais jogadores.

“Vamos ver em conjunto com o clube. A gente sempre respeitou o Cruzeiro. Não tem essa de tirar o jogador porque o time está na Série B ou na Série A. Vamos sentar com o Cruzeiro e entender o que é melhor para os dois lados”, projetou.

Giuliano Aranda não soube dizer, no entanto, se o Vasco teria potencial financeiro para viabilizar a contratação de Dedé. Perguntado se a negociação poderia avançar como empréstimo, ele limitou-se a dizer que “no futebol tudo pode”.

Vale lembrar que, oficialmente, Dedé não têm os direitos econômicos ligados à Raposa, mas há acordo com investidores para que o clube fature em uma eventual transferência.

Temporada ruim

A temporada 2019 não foi positiva para Dedé. Além de participar diretamente do rebaixamento do Cruzeiro para a Série B do Campeonato Brasileiro, como um dos líderes do elenco, o zagueiro se envolveu em polêmicas. Ele foi, por exemplo, um dos pivôs da demissão do técnico Rogério Ceni, em setembro. Dois meses depois, no auge da crise celeste, apareceu em um vídeo dando ‘sarrada no ar' enquanto se recuperava de cirurgia no joelho.



Contratado pelo Cruzeiro em 2013, Dedé tem 188 jogos com a camisa celeste - foram 26 em 2019 - e já marcou 15 gols. Ele conquistou dois Campeonatos Brasileiros (2013 e 2014), duas Copas do Brasil (2017 e 2018), além de três Campeonatos Mineiros (2014, 2018 e 2019).

Cruzeiro, Empresário, Dedé, Vasco

882 visitas - Fonte: Super Esportes


Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Próximo Jogo - Brasileiro

S&# - 19:00 - Mineirão - Sportv
Cruzeiro
Botafogo-SP

Último jogo - Brasileiro

Qui - 19:15 - Arena do Grêmio
Grêmio
2 0
Cruzeiro
Untitled Document
Classificação
1 Atletico-MG
2 Atletico Paranaense
3 Internacional
4 Grêmio
5 Atletico Goianiense
6 Vasco DA Gama
7 Bahia
8 São Paulo
9 Sport Recife
10 Flamengo
11 Palmeiras
12 Bragantino
13 Botafogo
14 Corinthians
15 Goiás
16 Fluminense
17 Santos
18 Ceará
19 Fortaleza EC
20 Coritiba
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
9 3 3 0 0 6 2 4 VVV
6 2 2 0 0 4 1 3 VV
6 2 2 0 0 3 0 3 VV
5 3 1 2 0 2 1 1 VEE
3 1 1 0 0 3 0 3 V
3 1 1 0 0 2 0 2 V
3 1 1 0 0 1 0 1 V
3 1 1 0 0 1 0 1 V
3 2 1 0 1 3 4 -1 VD
3 3 1 0 2 1 4 -3 DDV
2 2 0 2 0 2 2 0 EE
2 2 0 2 0 2 2 0 EE
1 1 0 1 0 1 1 0 E
1 2 0 1 1 2 3 -1 DE
1 2 0 1 1 2 3 -1 DE
1 2 0 1 1 1 2 -1 DE
1 2 0 1 1 1 3 -2 ED
1 3 0 1 2 3 6 -3 DED
0 2 0 0 2 0 3 -3 DD
0 3 0 0 3 0 3 -3 DDD
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota